PÁGINA INICIAL

terça-feira, maio 22, 2007

Em nossa região ocorreu muitos casos de "DENGUE" nesses últimos meses.
O ínicio do ano não ajudou muito com a grande quantidade de chuva que trouxe muita enchente (facilitando a proliferação).
O nosso município não passou pelo transtorno, mas nem por isso ficamos alheios ao problema. Veio a preocupação e todo cuidado foi e está sendo tomado pelos órgãos, público municipal, responsáveis e pelos cidadãos... fazendo a sua parte.
Estou aproximadamente uns dez dias direto por conta de, apenas, um trabalho que envolve o mosquito da dengue.
Por conta desse trabalho que me prendeu tanto, me consumiu tanto, se eu encontrar algum mosquito da dengue em qualquer lugar que seja dou um golpe mortal em cima dele ... mas um golpe desses que aparecem em filme que apresentam a mais pura, "inexplicável", ação. É sério! :)...
Então a CAMPANHA CONTRA O MOSQUITO DA DENGUE fica registrada em nosso blog, pois aqui temos a satisfação de apresentar de tudo um pouco.
Pouca gente sabe é que, para se combater a epidemia, bastam alguns cuidados simples, dentro da própria casa.
A dengue é causada por um vírus, que é transmitido de uma pessoa para outra através da picada do Aedes aegypti - um mosquito pequeno, com as patas “listradinhas” e hábitos diurnos.
É fácil colaborar:






Dengue clássica:
-Febre alta (pode ultrapassar 40 graus) por vários dias
- Dores de cabeça, nos olhos, nos músculos e juntas (a doença é popularmente conhecida como febre de quebra-ossos)
- Manchas avermelhadas por todo o corpo e, em alguns casos, é possível ocorrer sangramento da gengiva e do nariz.
- Falta de apetite, desânimo e fraqueza.

Dengue hemorrágica:
Os sintomas iniciais são os mesmos da forma clássica. A diferença é que, quando a febre acaba, começam a surgir:
- Sangramentos espontâneos
- Queda de pressão
- Lábios arroxeados
- Fortes dores no abdômen
- Estado de sonolência alternado à agitação
- Suores abundantes



Para as meninas da Assistência Social: Não fui picada pelo mosquito da dengue, mas me encontro meio que parecendo com esses bonequinhos acima pela surra que levei ... :)
Aproveito a oportunidade para deixar meus sinceros agradecimentos aos meus amigos que muito me ajudam quando estou passando por algum serviço que me consome.
Amigos que me perguntam:
"- Kixu, como vai você? Daí respondo que vou bem e pergunto porque estou sendo chamada de Kixu... - Daí vem a resposta: - "É kixuvarada"
Também a amigos que me enviam algo e pedem para eu ler com voz alta. Algo como isso:
Fui andando...
Fui andando por um caminho. Eram três, comigo quatro.
Fomos os três andando, comigo quatro.
Subimos os três num morro, comigo quatro.
Encontramos três burros, comigo quatro.
Enfim, o que seria da vida sem que existisse isso que chamam "AMIGO"?
Paz e Bem



4 comentários:

Leninha disse...

Sandra, q vc sempre veja a vida por este lado, alegre, descontraída e oferecendo seu tempo q é precioso,para nos fazer sorrir e ver q vale a pena viver intensamente...
Continue perseverando, pois sua luta será reconhecida, eu tiro o chapéu pra vc e a Monique, parabéns a vcs, um abraço carinhoso da amiga Leninha

Sandra Valeriote disse...

Leninha, SUPER QUERIDONA, obrigada.
Acredito que conseguimos ver a vida de uma forma bela, ser alegre, descontraída... quando temos amigos que são PESSOAS INCRIVELMENTE ESPECIAIS - COMO VOCÊ, por exemplo. O seu jeito de se superar e de viver sua vida "para mim" é um maravilhoso exemplo.
Quanto ao reconhecimento... Se a Zenilda aprovar o trabalho tá bão demais...rsrsrsrs
Te adoro amiga.

Anônimo disse...

testando

Monique Eccard disse...

Leninha lindonaaaaa..
Faço de Sandra minhas palavras...
Saiba sempre que você é tudo de bom!!!!
Beijinhos e saudades!!!!!!!!!!!
Mais não te perdoo por nõ ter ido na minha festa no clube!!!!!!rsssss
saudações tricolores!!!! ah hoje temFluzão ..torce aívaleu!!!! Fluiiiiiiii